20 março 2017

Piercing em mamilo invertido e normal

Kendall Jenner
Olá pessoas!!!
Em todo o tempo do blog o post que fez mais sucesso de todos é sobre os meus piercings, em especial o meu piercing no mamilo. Mas Rah o que tem de tão especial no seu piercing no mamilo pra gerar mais comentários do que o nomal???
Aí é que tá, até então eu achava que não tinha nada de especial a não ser que meu mamilo era invertido (pra dentro), mas o que me surpreendeu foi que muitas meninas tinham e tem dúvidas sobre piercing no mamilo, seja ele normal ou invertido.
Visto isso revolvi falar um pouco mais detalhado sobre o meu piercing, cuidados, minha experiência e etc.

Senta que lá vem textão migxs...

COMO DECIDI FURAR 

Eu decidi furar o meu mamilo quando em uma conversa com a minha mãe sobre meu mamilo eu disse a ela que não tava feliz, não me sentia bonita com isso, eu tinha 21 anos na época e fomos no meu  médico, em resumo, ele disse que eu deveria fazer uma pequena cirurgia para a correção, só que isso não estava nos meus planos financeiros no momento e por fim eu tinha ouvido falar que com o piercing ajudaria e etc.

PROCEDIMENTO 

Meti a cara e fui fazer o bentido piercing (daquelas bem loucas né?!), fomos eu e minha mãe em um Body Piercing que eu já conhecia, e já havia furado em outros lugares com a mesma pessoa, ou seja, já conhecia o trabalho dela, a higiene do local, conversei com a moça e chamei minha mãe que se recusou a ver a cena por aflição, hahaha. 
A moça higienizou o mamilo todo, puxou meu mamilo ''para fora'' e depois com o auxilio de uma pinça ela furou, retirou a agulha deixando o cateter, em seguida ela cortou o excesso do cateter e colocou a joia, e depois já estava sob meus cuidados.

CUIDADOS

Para conseguir o almejado sucesso com meu mais novo piercing eu tive que tomar alguns cuidados que são extremamente importantes para obtenção do meu resultado, que foram:
1- Sempre estar com as mãos bem limpas antes de manipular
2- Lavar o mamilo com sabonete antibacteriano (Protex)
3- Fazer compressas de água morna com sal (umedecer um pedaço de algodão em água morna com sal)
4- Usar a pomada Diprogenta (É uma pomada anti-inflamatória e antibiótica que em algumas farmácias é necessário receita para comprar, mas a bixa é tão boa que já da pra ver a diferença em dois dias)
5- Evitar de usar roupas muito apertadas nos primeiros dias
6- Evitar alimentos ditos ''remosos'' como chocolate, carne de porco e derivados, e comidas muito gordurosas

MINHAS CONSIDERAÇÕES

Quero reforçar que essas foras as minhas experiências e que ela pode ou não se aplicar a você querido leitor.
Quando eu furei, infelizmente não tive todos os cuidados com afinco necessário e o meu piercing inflamou, isso quer dizer que eu tirei o piercing??? Não! Tratei de passar Diprogenta e aí sarou, e meu piercing ta aqui lindão!
Se eu me arrependo de ter feito?  Não! Se eu faria de novo? Sim! Eu tenho em 1 seio, e só não faço nos dois porque acho ''mais fofo e diferente'' em um só.
NÍVEL DE DOR: de 0 a 10 acho que foi 9

SOBRE MEU MAMILO INVERTIDO

O que a gente precisa saber sobre a relação de piercing com mamilo invertido?
É no MEU caso deu super certo, pois só tinha um dos seios com mamilo invertido do tipo II e o piercing, além de me deixar mais confortável com a situação me tirou a vergonha de ficar nua na frente de alguém, além de aumentar minha auto-estima 
Hoje tenho 25 anos e ainda uso o meu piercing por questão de apego mesmo, acho bonito e gosto mesmo, mas quando eu tiro a joia, seja pra fazer uma limpeza mais profunda ou pra trocar por outra ele permanece lá empesinho sem voltar.
Vale lembrar que exitem 3 tipos de mamilo invertido, e nem sempre o que deu certo pra mim, dará para você.
Tipos:
  • Inversão de grau I: o mamilo se prolonga facilmente ao aplicar pressão leve sobre a auréola. Quando a pressão é liberada, o mamilo mantém a projeção em vez de se retrair imediatamente. Os mamilos com inversão de grau I dificilmente intervirão na amamentação, mas ainda podem apresentar problemas cosméticos. Há pouca ou nenhuma fibrose (excesso de tecido conectivo).
  • Inversão de grau II: o mamilo não se prolonga com facilidade e se retrai assim que a pressão é liberada. A inversão de grau II tem mais chances de apresentar complicações na amamentação. Há a formação de um nível moderado de fibrose e uma retração leve dos dutos lactíferos.
  • Inversão de grau III: o mamilo é retraído e não responde à manipulação, sendo impossível expô-lo manualmente. Esta é a forma mais séria de inversão, apresentando um nível significativo de fibrose e de retração dos dutos lactíferos. Algumas pessoas apresentam também infecções e lesões na mama, além da amamentação ser impossível
disponível em: <http://pt.wikihow.com/se-Livrar-de-Mamilos-Invertidos>




TIPOS DE JOIAS

Existem vários modelos para a gente poder se deliciar com todas elas, e aqui embaixo estão alguns exemplos que eu achei legal e algumas que eu já usei  e se recomendo ou não.



Foi o piercing que usei por mais tempo, e um dos que melhor me adaptei, um dos que eu acho mais bonito e delicado



Não gostei e não recomendo para o uso inicial ou até que o furo já esteja cicatrizado. Em especial tentei usar ele várias vezes, e em todas as tentativas o meu mamilo voltada a sua timidez (para dentro).
 






Acho bem bonito, atualmente estou usando um modelo muito parecido a esse e ele deixa o mamilo ''acesso'' full time, mesmo sem atiçar ele fica lá, todo ''aparecido'' hahaha

Achei bem lindo!




Segue a mesma linha do redondinho ali em cima, só que mais fofo por ser de coração <3


Segue a mesma linha de raciocínio do de ferradura, já que os dois são ''arredondados''


Espero que tenha tirado algumas dúvidas, beijos <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário